Publicidade

Quem Deus Aceita? Atos 10:34,35

 Cornélio foi Aceito por Deus

    • Então Pedro abriu a boca e disse:

  • E, abrindo Pedro a boca, disse: Reconheço por verdade que Deus não faz acepção de pessoas; Mas que lhe é agradável aquele que, em qualquer nação, o teme e faz o que é justo. Atos 10:34,35

Deus não faz acepção de pessoas" significa que Deus não trata as pessoas de maneira diferente baseado em sua raça, etnia, classe social ou qualquer outra característica externa. Ele ama todas as pessoas igualmente e oferece a todos a oportunidade de se relacionar com Ele e alcançar a salvação eterna

Publicidade

    Quem Deus Aceita?

A aceitação recai sobre o indivíduo que se conforma à vontade de Deus (Atos 10:35).

    • As condições são iguais para todos!

        ◦ Pois não há parcialidade para com Deus (Romanos 2:11).

        ◦ E vi os mortos, grandes e pequenos, em pé diante de Deus, e livros foram abertos. E abriu-se outro livro, que é o Livro da Vida. E os mortos foram julgados segundo as suas obras, pelas coisas que estavam escritas nos livros (Ap 20:12).

Quais são os requisitos para ser aceito por Deus?

    • “Quem o teme…”

    • E: "Quem pratica a justiça..."

        ◦ “Agora tudo foi ouvido; aqui está a conclusão do assunto: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos, porque este é todo o dever do homem” (Eclesiastes 12:13).

    • Temê-lo e praticar a retidão é temer a Deus e guardar seus mandamentos.

1. Deus aceita quem o teme Atos 10:34-35

    • Reverência - Honra - Respeito

        ◦ E não temais os que matam o corpo, mas não podem matar a alma. Antes, temei aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo (Mt. 10:28).

        ◦ Portanto, já que estamos recebendo um reino que não pode ser abalado, retenhamos a graça, pela qual possamos servir a Deus agradavelmente com reverência e temor a Deus. Pois nosso Deus é um fogo consumidor (Hb 12:28-29).

Temer a Deus  significa respeitar e reverenciar a Deus de maneira profunda e sincera. Isso pode incluir sentir medo ou temor de desagradá-lo ou desobedecê-lo, mas também pode incluir amor e devoção.

Temer a Deus também pode se referir a compreender e reconhecer a grandeza e poder de Deus, bem como a humildade diante dele. É um aspecto importante da espiritualidade e pode ser visto como um meio de se aproximar dele e alcançar uma relação mais próxima e íntima com ele.

Ora, todo o povo presenciou os trovões, os relâmpagos, o sonido da trombeta e o monte fumegando; e quando o povo viu isso, eles tremeram e ficaram de longe. Então disseram a Moisés: “Fala tu conosco, e nós ouviremos; mas que Deus não fale conosco, para que não morramos”. E Moisés disse ao povo: “Não tenham medo; porque Deus veio para vos provar, e para que o seu temor esteja diante de vós, para que não pequeis. Então o povo ficou de longe, mas Moisés aproximou-se da escuridão onde Deus estava (Ex. 20:18-21).

2. Deus aceita quem pratica a justiça Atos 10-34-35

    • A passagem ensina: O homem deve fazer alguma coisa!

    • Quando os crentes penitentes confessam sua fé em Cristo - eles estão operando a justiça de Deus para serem aceitos por Ele!

    • Esta não é a justiça estabelecida pelos homens, mas a que vem de Deus.

Fazer o que é justo para Deus significa seguir os princípios e mandamentos estabelecidos por ele e agir de acordo com sua vontade e sua palavra. Isso pode incluir praticar a virtude, amar a Deus acima de tudo e amar ao próximo como a si mesmo, viver de acordo com os valores éticos e morais estabelecidos por Deus e buscar a justiça e a verdade em todas as coisas.

É importante notar que faz o que é justo para Deus também inclui buscar entender o que é a vontade de Deus e seguir seus ensinamentos e orientações, em vez de simplesmente seguir as expectativas ou pressões da sociedade ou de outras pessoas. Além disso, muitas religiões crêem que fazer o que é justo para Deus é uma forma de honrá-lo e de agradá-lo, e que isso pode levar a bênçãos e recompensas eternas.

Pois não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego. Pois nele a justiça de Deus é revelada de fé em fé; como está escrito: “O justo viverá pela fé” (Romanos 1:16-17).


Deus é um Pai amoroso e misericordioso, que aceita aqueles que O temem e praticam a justiça. Ele valoriza e se agrada daqueles que têm reverência por Ele e buscam viver de acordo com Seus princípios e mandamentos. Em Atos 10:34-35, o apóstolo Pedro proclama: "Reconheço por verdade que Deus não faz acepção de pessoas; pelo contrário, em qualquer nação, aquele que o teme e faz o que é justo lhe é aceitável." 

Essas palavras nos mostram que a graça de Deus não está restrita a um grupo específico de pessoas, mas está disponível para todos os que buscam uma relação genuína com Ele e vivem uma vida de retidão. Deus vê o coração humano e valoriza a sinceridade e a busca pela justiça em todas as áreas da vida. Portanto, aqueles que temem a Deus e procuram praticar a justiça encontram aceitação diante Dele. Que isso nos inspire a buscar a santidade e a justiça em nossa jornada de fé, confiando que Deus nos acolhe com amor e aceitação.




👉 5 Livros sugeridos para leitura. Clique e Adquira!


Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilhe Compartilhe


Autor: Ronaldo G. Silva é Bacharel em Teologia e Professor de Homilética sendo Pós-Graduado em Educação pela UFF. Entusiasta do trabalho de evangelização e divulgação da Palavra de Deus.
 

Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

Um Site para o Líder, Pregador, EBD, Seminário, Estudo Bíblico, Sermão, Palavra Introdutória, Saudação, Mensagem e Assuntos Bíblicos para pregar a Palavra de Deus. Versões utilizadas Almeida: ACF, ARA ou ARC (SBB) e Bíblia Livre (BLIVRE)