Publicidade

Pregação sobre Libertar da Escravidão do Pecado João 8:36

 Pregação sobre Libertar da Escravidão do Pecado João 8:36

  • Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. João 8:36

        ◦ Então o diabo trabalha com o pecado “… buscando a quem possa tragar” (1 Pedro 5:8)

Publicidade

1. Libertar da Escravidão do pecado só pelo Sangue de Cristo

Podemos ter independência ou liberdade do pecado. Através de Jesus Cristo, poderíamos dizer que somos libertos ou salvos

            ▪ João 3:16 - “Aquele que nele crê não pereça…”

            ▪ Marcos 16:16 - “Quem crer e for batizado será salvo”

Ao obedecer à mensagem do evangelho (Atos 2:38), o pecado é afastado e vem o perdão. O número de instruções do tipo “fuja – siga” (veja 1 Tim. 6:11; 2 Tim. 2:22) também mostra que a imoralidade pode ser derrotada substituindo o pecado pela piedade

Como Jesus realizou a libertação do pecado?  Deus exige um sacrifício pelo pecado. Sob a Antiga Aliança, Ele aceitou o sangue de animais (Hb 9:22; 10:1-3). Sob o Novo, Ele só aceita o sacrifício perfeito (Hb 10:4-12)

Sangue derramado, morto, enterrado; então ressuscitou para viver novamente (1 Coríntios 15:3-4; 1 Pedro 1:3-4)

Nós, que estávamos mortos para o pecado, somos vivificados (Efésios 2:1)

    • Jesus é o Cordeiro de Deus (João 1:29)

    • Um sacrifício de sangue (Hb 9:22)

    • Tirar os pecados (1 João 3:5)

    • Ele morreu por nós {pecadores} (Rom. 5:8)

    • Um sacrifício pelo pecado (Hb 9:23-28)

    • Um sacrifício caro (1 Pedro 1:18-19)

2. Libertar da escravidão do Pecado nos vivifica

O pecado é geralmente coberto de doces

        ◦ O diabo tenta com orgulho e luxúria (1 João 2:15-16)

            ▪ A oferta de “liberdade” é falsa (cf. 2 Pedro 2:19)

            ▪ Na verdade, só produz escravidão (João 8:34) e morte (Romanos 6:23)

    • Todas as tentações vêm pelas mesmas avenidas (1 João 2:16)

    • O resultado final é o pecado, a separação de Deus (Isa. 59:1-2; Rom. 6:23)

    • Pecado ainda é pecado (Romanos 3:23; 1 João 3:4)

    • As consequências do pecado ainda são as mesmas (Rom. 6:23)

O apóstolo Paulo nos ensina em Romanos 6:23: "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor." Esse versículo nos lembra que o pecado leva à morte espiritual, mas Deus, em Sua graça, oferece a vida eterna por meio de Jesus Cristo. Ao nos arrependermos de nossos pecados e colocarmos nossa fé em Jesus, recebemos o dom da vida e somos vivificados pelo Espírito Santo.

Essa vivificação é descrita em Efésios 2:4-5: "Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, estando nós mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos)." Por meio da obra redentora de Cristo, somos ressuscitados espiritualmente e recebemos nova vida em comunhão com Deus.

3. Libertar da Escravidão do Pecado nos dá esperança

O pecado é uma situação que nos afasta de Deus (Isaías 59:1-2). Não podemos resolver este problema sozinhos (Romanos 5:6). O único caminho para Deus é através de Seu Filho Jesus Cristo (João 14:6)

Esta é a redenção (Rm 3:23-24). O que é pecado - transgressão e injustiça (1 João 3:4; 5:17)

        ◦ A Bíblia encoraja a aceitação da responsabilidade (Ezequiel 18:20)

            ▪ José (Gn 39:9)

            ▪ Davi (2 Sam. 12:13)

            ▪ O filho pródigo (Lucas 15:8, 11)

Cada pessoa será responsável por suas próprias ações (Rom. 14:12; 2 Cor. 5:10)

Essa libertação do pecado nos capacita a viver de acordo com a vontade de Deus. Em Romanos 6:14, Paulo nos lembra: "Pois o pecado não terá domínio sobre vós, porquanto não estais debaixo da lei, mas da graça." A libertação do pecado não apenas nos liberta da condenação, mas também nos capacita a viver uma vida justa e santa, permitindo que a graça de Deus atue em nós e através de nós.

Além disso, o apóstolo João nos encoraja em 1 João 3:9, dizendo: "Todo aquele que é nascido de Deus não pratica o pecado, porque a semente de Deus permanece nele; ele não pode estar no pecado, porque é nascido de Deus." Quando somos vivificados pelo Espírito de Deus, nossa natureza é transformada e somos capacitados a viver em retidão, sendo libertos da escravidão do pecado.

Todos os pecados passados ​​são perdoados (Colossenses 1:13-14).

    • Pois Ele nos libertou do domínio das trevas e nos transportou para o reino do seu Filho amado,

    • em quem temos a redenção, a remissão dos pecados.

A saída da escravidão

  • A escravidão da ignorância (João 8:31-32)
  • A escravidão do pecado (Jo 8:33-36; cf. Rom. 6:23)
  • A escravidão da lei (Atos 15:10-11; cf. Gal. 3:13)
  • A escravidão do medo da morte (Hb 2:14-15)



Pregação sobre Libertar da Escravidão do Pecado João 8:36

Veja também

  1. Dupla Mente: Não seja Instável Mateus 6:24
  2. Pregação sobre Purificação de Um Leproso  Mateus 8:1-4
  3. Meu nome está escrito no Livro da Vida? Lucas 10_17-20

Conclusão

A libertação do pecado nos vivifica espiritualmente, nos conduz à comunhão com Deus e nos capacita a viver uma vida de santidade. Que cada um de nós busque a libertação do pecado por meio do arrependimento e da fé em Jesus Cristo, para experimentar a plenitude da vida em comunhão com Deus e viver de acordo com a Sua vontade.




👉 5 Livros sugeridos para leitura. Clique e Adquira!


Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilhe Compartilhe


Autor: Ronaldo G. Silva. Professor de Homilética e Teologia do Antigo Testamento. Pós-Graduado em Educação pela UFF.
0 comments:
 

Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

Um Site para o Líder, Pregador, EBD, Seminário, Estudo Bíblico, Sermão, Palavra Introdutória, Saudação, Mensagem e Assuntos Bíblicos para pregar a Palavra de Deus. Versões utilizadas Almeida: ACF, ARA ou ARC (SBB) e Bíblia Livre (BLIVRE)