Pregação sobre a Fé em Deus em quatro atitudes | Hebreus 11

A Fé em Deus em quatro atitudes


Em Hebreus 1:1 aprendemos que a fé é o firme fundamento das coisas esperadas, a evidência das coisas não vistas. A cada dia precisamos reforçar nossa fé para vencer com ação e obras superando o medo e revelando o amor de Deus.

A fé nas Escrituras

Fé é uma crença ou atitude confiante em relação a Deus, envolvendo comprometimento com Sua vontade por uma vida.

  • Fé Doutrinária : Refere-se ao conteúdo da crença cristã (Judas 3).
  • Fé Salvadora: Confiando em Cristo e somente nele para a salvação (Atos 16:31).
  • O dom da fé : capacidade de reconhecer o que Deus quer fazer em situações aparentemente impossíveis e confiar em Deus para realizar sua obra (1 Cor. 12: 9).
  • Fé Diária : A dependência diária de Deus, que faz parte do processo de santificação (2 Cor. 5: 7)

Publicidade

1. Fé e confiar

Quando usamos a palavra esperança, geralmente nos referimos a um estado emocional de desejo em nossos corações com relação ao que gostaríamos que acontecesse no futuro, mas não temos certeza de que isso acontecerá. Existe um tipo de esperança que não nos envergonha (Rom. 5.5).

No entanto, quando a Bíblia fala de esperança, não se refere a um desejo de um resultado futuro incerto, mas a um desejo de um resultado futuro que seja absolutamente certo.

Com base em nossa confiança nas promessas de Deus, podemos estar totalmente confiantes sobre o resultado. Quando Deus dá ao Seu povo uma promessa para o futuro, e a igreja a agarra, diz-se que essa esperança é a "âncora da alma" (Hb 6:19). Uma âncora é aquela que protege o navio contra deriva sem rumo no mar. As promessas de Deus para amanhã são a âncora para os crentes hoje.

3. Fé esperar

Quando a Bíblia diz que a fé é aquilo que se espera (Hb 11: 1), acreditamos que ela está falando de algo que tem peso ou significado - algo de extremo valor.

Porque posso confiar na promessa de Deus para amanhã, há substância na minha esperança; minha esperança não é apenas uma fantasia ou uma projeção de desejos baseada em sonhos ociosos. Pelo contrário, é baseado em algo substantivo.

4. A fé é visualizar

O autor usa uma referência a um dos sentidos do corpo humano através do qual adquirimos conhecimento, o sentido da visão.  Essa atitude não se opõe à fé bíblica, pois o Novo Testamento nos chama a confiar no evangelho não com base em algum salto irracional na escuridão, mas com base no testemunho de testemunhas oculares que relatam nas Escrituras sobre o que elas falam.

A Bíblia nunca afirma que devemos pular na escuridão. De fato, a injunção bíblica é que as pessoas saiam das trevas e entrem na luz (cf. João 3:19).

A fé não é cega no sentido de ser arbitrária, extravagante ou uma mera expressão do desejo humano. Se fosse esse o caso, por que o autor de Hebreus diria que a fé é "a evidência de coisas não vistas"? Quando a fé está ligada à esperança, ela é colocada no prazo do futuro, e a única coisa que não consigo ver é o amanhã. Nenhum de nós ainda experimentou amanhã.

A idéia é a seguinte: não sei o que o amanhã trará, mas sei que Deus sabe o que o amanhã trará.

4. A fé é acreditar


Abraão creu em Deus.

Ele partiu, sem saber para onde estava indo, viajando para um país e um futuro que nunca tinha visto. (Hb 11:10).

Na sua raiz, é isso que é a fé. É crer em Deus. A vida cristã é sobre crer em Deus. Trata-se de viver de acordo com cada palavra que procede de Sua boca (Dt. 8: 3; Mt. 4: 4). É sobre segui-Lo em lugares onde nunca estivemos, em situações que nunca experimentamos, em países que nunca vimos - porque sabemos quem Ele é.

A peregrinação da vida cristã é uma peregrinação de fé.

Começa quando Deus cria fé em nossos corações. No primeiro estágio de nossa experiência cristã, abraçamos Cristo e confiamos nEle para nossa redenção, mas toda a peregrinação do cristão está enraizada e fundamentada nessa confiança, nessa confiança.

Todo o processo é definido por viver em fé (Col. 2: 6). Por isso Deus disse ao profeta Habacuque: "Os justos viverão pela sua fé".

Pregação sobre a Fé em Deus em quatro atitudes

Conclusão

Os justos viverão pela fé. Esta declaração é citada três vezes no Novo Testamento (Rom. 1:17; Gal. 3:11; Heb. 10:38); é um motivo central nos escritos de Paulo. Isso significa que Deus fica satisfeito quando Seu povo vive confiando Nele. Como Jesus em Seu conflito com Satanás no deserto, quando Jesus lembra ao Diabo que o homem não vive apenas de pão, mas de toda palavra que procede da boca de Deus ( Mat. 4: 4).


Leia também...
Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilheCompartilhe



Sobre o Autor do Blog: Formado em Teologia pelo Seminário Teológico Boas Novas - FATEP, professor e pós-graduado em Educação pela Universidade Federal Fluminense - UFF. Frequentou a Assembléia de Deus durante a infância e juventude hoje é membro da Igreja Batista.

Publicidade

Versões Bíblicas consultadas ou citadas:
Bíblia Livre (BLIVRE), Almeida Revista e Atuzalizada ARA-SBB, Almeida Revista e Corrigida ARC-SBB, Outras citadas no texto.

0 comentários:
Postar um comentário

Publicidade
 
Política de Cookies | Política de Privacidade

Missão: Visão missionária (marca da historia da igreja cristã) visa abordar temas como salvação, cristianismo, teologia e histórias bíblicas de uma forma geral, através da internet e redes sociais.

voltar