Publicidade

O olhar compassivo do Senhor Salmos 33:18-22

 O olhar compassivo do Senhor Salmos 33:18-22

Este salmo nos ensina sobre a esperança e a confiança que podemos ter em Deus, mesmo nos momentos difíceis. É um lembrete encorajador de que o Senhor é nosso refúgio e nossa força em todas as circunstâncias da vida. Vamos mergulhar nessa mensagem de esperança e permitir que ela fortaleça nosso coração.

Publicidade

I. Eis que os olhos do Senhor estão sobre nós (Salmo 33:18-19)

O salmista começa afirmando: "Eis que os olhos do Senhor estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia." É uma promessa poderosa de que Deus está atento aos Seus filhos, observando aqueles que O temem e confiam Nele. Ele conhece as nossas necessidades, preocupações e lutas diárias.

Salmo 34:15: "Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos, atentos ao seu clamor."

No versículo 33:19, o salmista prossegue: "Para livrar-lhes as almas da morte e conservar-lhes a vida durante a fome." Aqui, vemos o cuidado protetor de Deus sobre nós. Ele nos guarda de perigos e dificuldades, preservando nossa vida e sustentando-nos em tempos de escassez. Podemos ter confiança de que o olhar compassivo do Senhor está sobre nós, pronto para nos livrar e suprir todas as nossas necessidades.

Mateus 6:26: "Olhai para as aves do céu, que não semeiam, nem ceifam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não valeis vós muito mais do que elas?"

    • Muitas pessoas se afastam de Deus porque acreditam que seus problemas são maiores do que ele.

    • Deus não está apenas sobre o bem em sua vida. Quando os tempos são difíceis, Deus ainda é Deus.

    • Algumas de suas provações e tentações podem estar mostrando o quão grande Deus realmente é.

Jó 1:8-22 . Jó possivelmente só tinha visto a bondade de Deus. Depois de perder a família, Jó ainda entendia que Deus era maior do que isso. Quando perdeu a saúde física, questionou a Deus, mas acabou admitindo “eu sei que tudo podes”... 

II. A esperança no Senhor (Salmo 33:20-21)

O salmista continua no versículo 20: "A nossa alma espera no Senhor; ele é o nosso auxílio e o nosso escudo." Aqui, somos lembrados da importância de colocar nossa esperança e confiança no Senhor. Ele é a nossa fonte de ajuda e proteção. Quando enfrentamos desafios e tribulações, podemos encontrar refúgio na presença de Deus e descansar em Sua fidelidade.

Salmo 39:7: "E agora, Senhor, que espero eu? A minha esperança está em ti."

 Você vive pela fé (Gal. 2:20)

 Você é justificado pela fé (Rom. 14: 1-4)

 Cristo habita em seu coração pela fé (Ef 3:17)

 O Espírito Santo é recebido pela fé (Gal. 3: 2)

No versículo 33:21, o salmista expressa sua alegria e gratidão: "Pois nele se alegra o nosso coração; porquanto temos confiado no seu santo nome." Ao confiarmos no Senhor, encontramos verdadeira alegria e contentamento. Mesmo nas dificuldades, podemos nos alegrar em Deus, pois sabemos que Ele é fiel e tem poder para nos sustentar em todas as circunstâncias.

Filipenses 4:4: "Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos."

III. A oração de confiança (Salmo 33:22)

O salmista conclui o Salmo 33 com uma oração de confiança e adoração: "Seja a tua misericórdia, Senhor, sobre nós, como em ti esperamos." Essa é uma declaração de fé e dependência de Deus. O salmista reconhece que a misericórdia do Senhor é a base de sua esperança e coloca sua confiança inteiramente em Deus.

Salmo 62:8: "Confiai nele, ó povo, em todos os tempos; derramai perante ele o vosso coração; Deus é o nosso refúgio."

Essa oração nos lembra que nossa esperança está fundamentada na fidelidade e na misericórdia do Senhor. Podemos orar com confiança, sabendo que Deus nos ouve e responde de acordo com Sua vontade. Ele é o nosso sustentáculo e nossa rocha firme em quem podemos confiar plenamente.

1 Pedro 5:7: "Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós."

O olhar compassivo do Senhor Salmos 33:18-22

Veja também

  1. Descerá sobre Ti o Espírito Santo Atos 1:8
  2. Quebrando as Cadeias que nos aprisionam
  3. O Poder do Sangue de Jesus
  4. +100 Assuntos Bíblicos para Pregação e Estudos.

Conclusão:

O Salmo 33:18-22 nos convida a colocar nossa esperança e confiança no Senhor. Ele é o Deus que nos protege, supre nossas necessidades e nos enche de alegria. Em tempos de incerteza, podemos descansar em Sua fidelidade e buscar Sua misericórdia. Que nossos corações sejam fortalecidos pela esperança que encontramos Nele, para que possamos viver uma vida de fé, confiança e gratidão. Amém




👉 5 Livros sugeridos para leitura. Clique e Adquira!


Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilhe Compartilhe


Autor: Ronaldo G. Silva. Professor de Homilética e Teologia do Antigo Testamento. Pós-Graduado em Educação pela UFF.
0 comments:
 

Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

Um Site para o Líder, Pregador, EBD, Seminário, Estudo Bíblico, Sermão, Palavra Introdutória, Saudação, Mensagem e Assuntos Bíblicos para pregar a Palavra de Deus. Versões utilizadas Almeida: ACF, ARA ou ARC (SBB) e Bíblia Livre (BLIVRE)