24/06/2018

Papel dos Pais na Educação dos Filhos sobre a Fé Cristã

Um estudo publicado pelos teólogos Van Niekerk, M. & Breed sobre Deuteronômio 6: 4–9, apresenta algumas orientações sobre como os pais devem ensinar seus filhos sobre sua fé. Isso significa que, embora os pais tenham outras responsabilidades importantes, não há nenhum tão importante quanto sua educação religiosa. Além do que em Provérbios 22:6 o texto da Bíblia exorta a ensinar a criança o caminho que deve andar e ainda quando for idoso, não se desviará dele.

Papel dos Pais na Educação dos Filhos sobre a Fé Cristã


Orientações práticas para ajudar os pais no desenvolvimento da fé de seus filhos. 
Papel dos Pais na Educação dos Filhos sobre a Fé Cristã

A partir da pesquisa realizada, as seguintes orientações práticas podem ser deduzidas sobre Papel dos Pais na Educação dos Filhos sobre a Fé Cristã:

  1. Desde o nascimento, o ambiente em que uma criança cresce deve ser de carinho, amor e dedicação onde as necessidades básicas são atendidas. Isso garantirá uma forte base de confiança sobre a qual a fé pode se desenvolver.
  2. A criança deve ver seus pais interagirem com a fé, através do estudo da Bíblia, da freqüência à igreja, das discussões sobre a fé e seus relacionamentos com outras pessoas, e ter a oportunidade de reagir a isso.
  3. O papel dos pais na educação dos filhos deve ser contínuo e regular sobre sua religião, como visto em Deuteronômio 6: 4-9. Isso é feito através da discussão, estudando a Palavra juntos e estabelecendo o exemplo certo em suas próprias vidas. Um assunto também deve ser discutido não apenas uma vez, mas repetidamente, para que a criança possa compreender o assunto e entender.
  4. Quando as crianças recebem histórias da Bíblia, os pais devem tentar usar imagens vívidas pois as crianças dessa idade são estimuladas pelas coisas que podem ver. A imaginação da criança deve ser estimulada, pois isso desempenha um papel importante na maneira como coleta informações e desenvolve seus conhecimentos. Estes podem incluir fantoches, canções com movimentos e atividades que apresentam as histórias de maneira concreta, como a construção da arca de Noé a partir do barro.
  5. Como a criança ainda é egocêntrica, as discussões devem ser voltadas para as necessidades pessoais da criança, se possível. Isso pode ser feito tratando de problemas que a criança pode estar enfrentando em suas próprias vidas ou falando com o interesse que a criança tem naquele momento. Por exemplo, se uma criança pequena é fascinada por animais, seria um bom momento para lhes contar a história de como o mundo foi criado, ou a arca de Noé. Uma criança que tem medo pode ser ensinada sobre um Deus que está sempre presente, quaisquer que sejam as circunstâncias.
Segundo o estudo ser parte do desenvolvimento da fé de seus filhos não deve ser algo que só acontece quando se frequenta a igreja. Falar sobre a fé deve ser parte da vida cotidiana e atividades normais em torno da casa de uma criança, 95% dos entrevistados no estudo acima mencionado afirmaram que a moral e os valores de seus pais tiveram um impacto em sua própria moral e valores. A partir dessa estatística, fica claro que o exemplo dado pelos pais desempenha um grande papel no desenvolvimento da fé das crianças.

Assim, o papel dos pais na educação dos filhos sobre a fé cristã significa que os pais não devem estar preocupados se podem castigar os filhos com vara, mas buscar versículos sobre ensinar os filhos, passagens bíblicas sobre pais e filhos, versículos filhos são bençãos. O papel da família na educação dos filhos reflete a influencia dos pais sobre os filhos: instrui o teu filho no caminho que deve andar.

Fonte: Van Niekerk, M. & Breed, G., 2018, ‘The role of parents in the development of faith from birth to seven years of age’, HTS Teologiese Studies/T

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar no Google

Sobre | Termos De Uso | Política De Cookies | Política De Privacidade
Top