16/01/2019

11 Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja

Publicidade
O Ministério de Música e Adoração, deve ter um líder para orientar o pessoal de Música e Adoração, que fornecerá informações para atividades relacionadas à adoração para enriquecer a experiência de adoração e glorificar a Deus através da variedade e excelência em todas as atividades de adoração. 


11 Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja


1. Coordenação: Auxiliar a equipe de música e adoração no planejamento do culto serviços e atividades de culto relacionadas. 

2. Avaliação: Use ferramentas de avaliação formais e informais apropriadas para melhorar todos os aspectos do culto de adoração. Avaliação formal reúne informações de várias fontes e depende menos de críticas. 

3. Comunicação: Estar disponível para a congregação (incluindo visitantes) para sugestões sobre sua experiência de adoração e melhorias que poderiam ser consideradas. Trabalhar em estreita colaboração com Ministério de Música para disseminação de informações sobre programas, eventos e educação, bem como mudanças na programação de adoração. 

4. Tomada de decisão: Seja proativo na melhoria dos serviços de adoração através de recomendações para o Ministério de Música e adoração para incluir recomendação de temas para eventos e serviços de culto especiais em todo o ano da igreja. 

5. Planejamento Anual do Ministério: Recomendações sobre planejamento do ministério, metas, orçamento e dispêndio de capital para as necessidades de adoração para cada ano da Igreja que será feito em coordenação com a equipe de música e adoração. 

6. Educação: Continue a educação, formação e preparação dos levitas da igreja. Cursos, Workshop, Recitais, etc

7. Audio / Visual: Continue monitorando e avaliando as necessidades de áudio e aprimoramento visual dos serviços. 

8. Revise as políticas e procedimentos da equipe conforme necessário, mas não menos que uma vez por ano e recomendar acréscimos e alterações, se aplicáveis, para aprovação da Governança da Equipe, Conselheiros e o corpo da Igreja.

Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja

9. Tamanho do Ministério de Música - Para realizar efetivamente a missão da equipe, é recomendável que Ministério de Música tenha pelo menos 9 e não mais que 15 membros para servir. Se possível, os levitas devem representar uma seção transversal da congregação, em vez de exclusivamente aqueles envolvido em áreas de música e adoração; no entanto, esforços devem ser feitos para incluir presidente do Coral e outros setores.  O pessoal designado para o Ministério de Música deve ser membro da igreja. Os membros podem ser divididos em sub equipes para projetos específicos de acordo com as metas do ano. Todas as subequipes são responsável por toda a equipe de música e adoração por quaisquer recomendações ou ações. 

10. REUNIÕES: Se o Ministro de Música não puder participar de uma reunião da equipe, o líder deve designar outro membro da equipe para liderar a reunião.  Uma reunião da equipe pode ser convocada a qualquer momento pelo Ministro de Música ou por quaisquer outros membros. Os avisos das reuniões da equipe serão entregues a secretaria da Igreja pelo Líder da equipe ou membros da equipe convocando a reunião para ser colocada na igreja principal calendário pelo menos cinco dias antes da reunião. A maioria dos membros da equipe constituirá um quorum para a decisões do Ministério de Música. Todas as reuniões da equipe devem estar aberto aos membros da Igreja e convidados, exceto aqueles assuntos que possam requer uma sessão executiva. A participação nas deliberações da equipe, no entanto, somente ser a convite da equipe.


11. O ministro de Música pode designar uma pessoa para resumir os procedimentos da Equipe. reuniões. Os registros da Equipe serão entregues a secretaria da Igreja. 



Publicidade


Objetivos do Ministério de Música

  • 1. Adorar a Deus através da música. Salmo 27: 6 
  • 2. Louvar a Deus através da música. Salmo 150: 3-4 
  • 3. Alegrar as emoções do coração. Tiago 5:13  
  • 4. Aprender as Escrituras e as verdades espirituais cantando. Salmo 32: 7-8. 
  • 5. Encorajar uns aos outros com a verdade bíblica através da música. Efésios 5: 18-19  
  • 6. Instruir e convencer pelos textos bíblicos das canções. Isaías 55:11  
  • 7. Introduzir outros a Jesus Cristo através de concertos especiais, que podem ser um alcance para os não salvos. Salmo 40: 3 


Qualidades dos levitas do Ministério de Música

1. Sensibilidade à direção do Espírito Santo, e solidez na doutrina cristã e sua aplicação na vida pessoal e cotidiana da liderança e dos músicos. 
2. Impulsionado pelo conteúdo bíblico. Isto será evidenciado pelas letras, estilos musicais apropriados, bem como pela atitudes, aparência e conduta dos músicos. Com o tempo, o excelente ensino bíblico produzirá piedosamente músicos que, por sua vez, refletirão esse ensinamento em como ministram. 
3. Aprimoramento, mas nunca ofuscante, do ministério de ensino, sempre consciente de que o ensinamento do Palavra de Deus é central na igreja. 
4. Amplitude na sua gama de conteúdo musical e estilo; sempre de bom gosto, mas projetado para falar com todos em um diversificado congregação. 
5. Consistência em alta qualidade para que o Senhor seja glorificado, o coração seja abençoado e a mensagem seja reforçada. não diminuído, pela arte que o transmite. 
6. Oferecer uma ampla gama de oportunidades para aqueles a quem o Senhor dotou com habilidade musical, usando instrumentistas e vocalistas. 
7. Encorajar os membros da igreja que não estão envolvidos no ministério da música, mas são musicalmente talentosos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sobre | Termos De Uso | Política De Cookies | Política De Privacidade
Top