11 Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja

O Ministério de Música e Adoração, deve ter um líder para orientar o pessoal no Louvor e Adoração. Sobre a organização do culto confira as sugestões para ordem do culto de adoração. O Líder fornecerá informações para atividades relacionadas à adoração a fim de enriquecer a experiência de adoração e glorificar a Deus através da variedade e excelência em todas as atividades de adoração. 


11 Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja


1. Coordenação: Auxiliar a equipe de música e adoração no planejamento do culto e atividades relacionadas. Já abordamos aqui no blog as musicas para culto infantil.

2. Avaliação: Use ferramentas de avaliação formais e informais apropriadas para melhorar todos os aspectos do culto de adoração. Avaliação formal reúne informações de várias fontes e depende menos de críticas. 

3. Comunicação: Estar disponível para a congregação (incluindo visitantes) para sugestões sobre sua experiência de adoração e melhorias que poderiam ser consideradas. Trabalhar em estreita colaboração com Ministério de Música para disseminação de informações sobre programas, eventos e educação, bem como mudanças na programação de adoração. 

4. Tomada de decisão: Seja proativo na melhoria dos serviços de adoração através de recomendações para o Ministério de Música e adoração para incluir recomendação de temas para eventos e cultos especiais em todo o ano da igreja. Confira nossa relação de temas para pregação.

5. Planejamento Anual do Ministério: Recomendações sobre planejamento do ministério, metas, orçamento e dispêndio de capital para as necessidades de adoração para cada ano da Igreja que será feito em coordenação com a equipe de música e adoração. 

6. Educação: Continue a educação, formação e preparação dos levitas da igreja. Cursos, Workshop, Recitais, estudo sobre louvor e adoraçãoetc. 



7. Audio / Visual: Continue monitorando e avaliando as necessidades de áudio e aprimoramento visual dos serviços. 



8. Revise as políticas e procedimentos da equipe conforme necessário, mas não menos que uma vez por ano e recomendar acréscimos e alterações, se aplicáveis, para aprovação da Governança da Equipe, Conselheiros e o corpo da Igreja. 


Dicas para Organizar o Ministério de Música da Igreja



9. Tamanho do Ministério de Música - Para realizar efetivamente a missão da equipe, é recomendável que Ministério de Música tenha pelo menos 9 e não mais que 15 membros para servir. Leia a postagem como ser um obreiro aprovadoSe possível, os levitas devem representar uma seção transversal da congregação, em vez de exclusivamente aqueles envolvido em áreas de música e adoração; no entanto, esforços devem ser feitos para incluir presidente do Coral e outros setores.  O pessoal designado para o Ministério de Música deve ser membro da igreja. Os membros podem ser divididos em sub-equipes para projetos específicos de acordo com as metas do ano. 



10. REUNIÕES: Se o Ministro de Música não puder participar de uma reunião da equipe, o líder deve designar outro membro da equipe para liderar a reunião.  Uma reunião da equipe pode ser convocada a qualquer momento pelo Ministro de Música ou por quaisquer outros membros. Os avisos das reuniões da equipe serão entregues a secretaria da Igreja pelo Líder da equipe ou membros da equipe convocando a reunião para ser colocada na igreja principal calendário pelo menos cinco dias antes da reunião. A maioria dos membros da equipe constituirá um quorum para a decisões do Ministério de Música. Todas as reuniões da equipe devem estar aberto aos membros da Igreja e convidados, exceto aqueles assuntos que possam requer uma sessão executiva. A participação nas deliberações da equipe, no entanto, somente ser a convite da equipe.



11. O ministro de Música pode designar uma pessoa para resumir os procedimentos da Equipe nas reuniões. Os registros da Equipe serão entregues a secretaria da Igreja. 





Publicidade


Objetivos do Ministério de Música

  • 1. Adorar a Deus através da música. Salmo 27: 6 
  • 2. Louvar a Deus através da música. Salmo 150: 3-4 
  • 3. Alegrar as emoções do coração. Tiago 5:13  
  • 4. Aprender as Escrituras e as verdades espirituais cantando. Salmo 32: 7-8. 
  • 5. Encorajar uns aos outros com a verdade bíblica através da música. Efésios 5: 18-19  
  • 6. Instruir e convencer pelos textos bíblicos das canções. Isaías 55:11  
  • 7. Introduzir outros a Jesus Cristo através de concertos especiais, que podem ser um alcance para os não salvos. Salmo 40: 3 

Qualidades dos levitas do Ministério de Música

Já abordamos aqui as características de um bom líder do ministério de jovens. Para o ministério da música alguns aspectos também são importantes.

  • 1. Sensibilidade à direção do Espírito Santo, e solidez na doutrina cristã e sua aplicação na vida pessoal e cotidiana da liderança e dos músicos. 
  • 2. Impulsionado pelo conteúdo bíblico. Isto será evidenciado pelas letras, estilos musicais apropriados, bem como pela atitudes, aparência e conduta dos músicos. Veja as 7 dicas para fazer um estudo bíblicoCom o tempo, o excelente ensino bíblico produzirá piedosamente músicos que, por sua vez, refletirão esse ensinamento em como ministram. 
  • 3. Aprimoramento, mas nunca ofuscante, do ministério de ensino, sempre consciente de que o ensinamento do Palavra de Deus é central na igreja. 
  • 4. Amplitude na sua gama de conteúdo musical e estilo; sempre de bom gosto, mas projetado para falar com todos em um diversificado congregação. 
  • 5. Consistência em alta qualidade para que o Senhor seja glorificado, o coração seja abençoado e a mensagem seja reforçada e não diminuído, pela arte que o transmite. 
  • 6. Oferecer uma ampla gama de oportunidades para aqueles a quem o Senhor dotou com habilidade musical, usando instrumentistas e vocalistas. 
  • 7. Encorajar os membros da igreja que não estão envolvidos no ministério da música, mas são musicalmente talentosos


Leia também...
Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilheCompartilhe



Sobre o Autor do Blog: Formado em Teologia pelo Seminário Teológico Boas Novas - FATEP, professor e pós-graduado em Educação pela Universidade Federal Fluminense - UFF. Frequentou a Assembléia de Deus durante a infância e juventude hoje é membro da Igreja Batista.

Publicidade

Versões Bíblicas consultadas ou citadas:
Bíblia Livre (BLIVRE), Almeida Revista e Atuzalizada ARA-SBB, Almeida Revista e Corrigida ARC-SBB, Outras citadas no texto.

0 comentários:
Postar um comentário

Publicidade
 
Política de Cookies | Política de Privacidade

Missão: Visão missionária (marca da historia da igreja cristã) visa abordar temas como salvação, cristianismo, teologia e histórias bíblicas de uma forma geral, através da internet e redes sociais.

voltar