Publicidade

Como Ensinar a Bíblia para os Jovens?

Estudos Bíblicos para Jovens

Ensinar a Bíblia para os jovens é um desafio para as igrejas.

Ensinando a Bíblia por meio de Estudos


O objetivo é descobrir o que o escritor da passagem tentando dizer e, em seguida, aplicar nosso entendimento e percepções à ação prática em sua vida cotidiana. '

Os jovens cristãos enfrentam uma série de desafios ao crescer em um mundo tecnológico.

Oportunidades para os jovens fazerem uma pausa, refletir e contemplar são limitadas nas ocupações da cultura ocidental. Agora, mais do que nunca, os jovens precisam ter um encontro com Deus que traz paz, bem-estar e transformação.

Significa que os jovens precisam raciocinar, descobrir e fazer deduções.

O aprendizado da Bíblia é sobre ser curioso e aprender a fazer perguntas. Seja um detetive. Procure pistas.

O que está acontecendo?
O que se destaca para você?
O que você não Compreende?

Estratégias para ensinar a Bíblia para Jovens


1. Fique por dentro do assunto. Evite perseguir coelhos. Seu objetivo principal é obter o Palavra para eles. Se eles tiverem perguntas fora do tópico ou complexas durante ou antes da aula, peça educadamente que escrevam suas perguntas para abordá-los no final.

2. Atribuir lição de casa. Incentive o aluno a ler adiante, atribuir capítulos e oferecer responsabilidade, perguntando se eles fizeram a leitura designada. 

3. Construir familiaridade com a Bíblia. Ajude-os a se sentirem confortáveis usando a Bíblia. Incentive-os a ler ou acompanhar em sua própria Bíblia. É inestimável para eles ver importantes escrituras em sua própria Bíblia.

4. A transparência é a chave para construir sua confiança. Seja honesto. Se eles tiverem perguntas que você não sabe responder; “Eu não sei, mas eu descobrirei e entrarei em contato com você.” Você não é um teólogo e você não está fingindo ser.

5. Relaxar. Não sinta que precisa ensinar tudo a eles, tudo de uma vez uma vez. Jogue o jogo longo. Além disso, não sinta que precisa mudar de idéia ou corrigir cada pequeno erro em seu pensamento. Se
eles dizem algo incorreto, pode não ser o momento certo para desafiá-lo. O estudo fará isso com o tempo.

6. A preparação é crítica. Revise suas aulas com antecedência. Mantê-la simples, mas sabe o que faz.

7. A oração é essencial. Ore antes de ir para a aula. estudos bíblicos não são meramente atividades acadêmicas. Eles são uma busca espiritual.

8. Seja sensível ao Espírito Santo e ao aluno enquanto estiver ensino. Os estudos bíblicos levarão as pessoas ao ponto de decisão. Ser sensível a o Espírito Santo, nos permite saber quando empurrar um pouco e quando espera um pouco.


O propósito de ensinar uma classe bíblica para jovens é acelerar o foco sobre o texto da Escritura, com tanta clareza e simplicidade - os alunos aprendam a Palavra de Deus, saiba como ela deve ser aplicada, lembre-se dela e use essa verdade em suas vidas diárias. Como professor de uma classe bíblica para jovens, você não pode controlar a receptividade ou resposta dos alunos. Mas você deve ser pessoalmente claro sobre o seu propósito e deixe cada passo de sua preparação estar bem conectado ao objetivo: agilizar o foco no texto da Escritura, com tanta clareza e simplicidade, os alunos aprendem a Palavra de Deus, sabem como ela deve ser aplicada, lembram-se dela e usam essa verdade em suas vidas diárias

 Aprendendo a Palavra de Deus.

Falando idealmente, os alunos não estão na sua aula para aprender estatísticas, definições de palavras independentes, ilustrações, curiosidades, o que está nas mentes de outros alunos, fofocas, etc. Eles estão nesta classe para aprender a Palavra de Deus. Concentre-se no texto com tanta fidelidade e  intensidade, para que seus alunos aprendam a Palavra de Deus.

O objetivo almejado é estar bem preparado. 

Você sabe a passagem bem, depois de tê-la lido muitas vezes em estudo silencioso e fervoroso. Você está familiarizado com o contexto, você sabe o que as palavras significam (embora você não precise trazer todas as definições para a apresentação). você tem um plano traçado. Você considerou e editou o prazo, permitindo a entrada limitada e você construiu aplicação pessoal e desafio em seu plano. Como chegamos aqui?

Todo aquele que ensina uma classe bíblica para jovens deve criar seu próprio processo sistemático. Seu processo não precisa duplicar ou imitar nenhum outro processo. Você pode adaptar, mudar e revisar seu processo à medida que ganha experiência e sua fé amadurece. Mas deve haver algum processo que para você seguir, algum sistema ordenado que leve a uma boa classe bíblica.

Preparação

 O objetivo principal não é apenas fornecer definições de palavras ou informações históricas, mas ajudar os alunos a entender o significado das passagens bíblicas em suas vidas diárias. O professor deve se dedicar ao estudo pessoal do texto, prestando atenção a cada componente, como palavras, frases, sequência e conexões. É importante utilizar recursos como dicionários, concordâncias e comentários para obter uma compreensão mais profunda. Durante a preparação, é recomendado reduzir o material e organizar as notas de forma concisa, priorizando a aplicação prática do ensino.

Ressalta-se a importância de conhecer os alunos e adaptar o ensino às suas necessidades. Alguns alunos podem ser autodidatas, outros podem ter experiência, mas falta de aplicação, enquanto outros preferem ouvir e são menos participativos. É essencial lembrar que o objetivo é promover a aprendizagem e a aplicação da Palavra de Deus na vida dos alunos, despertando interesse e motivação. O professor deve transmitir a seriedade e a grandiosidade da mensagem bíblica, adaptando seu tom de voz, gestos e comportamento de acordo com o conteúdo sendo ensinado. O objetivo final é capacitar os alunos a se tornarem aprendizes por conta própria.

A importância de gerenciar a discussão em classe. Embora a participação seja encorajada, é necessário estabelecer limites e evitar que a aula seja desviada do propósito original. É sugerido seguir um formato que funcione melhor para o professor e os alunos, como começar com boas-vindas, oração, leitura do texto e exposição, intercalando com perguntas e comentários direcionados, e finalizando com um desafio prático. Cada professor pode adaptar o formato de acordo com sua preferência e estilo de ensino.

Ensinar a Bíblia de maneira significativa e relevante, levando em consideração as necessidades dos alunos. O objetivo é capacitar os alunos a entender e aplicar a Palavra de Deus em suas vidas diárias, despertando interesse e motivação por meio de um ensino claro, envolvente e prático.



Explorem como um grupo de jovens que freqüentam regularmente uma igreja evangélica se envolvem com a Bíblia e como isso os ajuda na formação da fé.

Mostre a importância de compreender como as micronarrativas da Bíblia se encaixam na meta narrativa da história da salvação de Deus.

Os estudos também podem ser usados com grande vantagem pela por grupos de estudo e reuniões de oração.

O jovem que estuda através dessas lições bíblicas descobrirá fielmente que ele está emu ma posição para continuar aprendendo de forma inteligente. Ele também terá adquirido uma visão panorâmica da Bíblia e sua mensagem, que o ajudará muito em análises posteriores

Objetivos dos Estudos Bíblicos para jovens
  • ferramentas que podem ajudá-lo a entender melhor as Escrituras e aplicá-las em sua vida
  • para os jovens descobrirem por que é importante relacionar cada passagem ao enredo redentor da Bíblia
  • para experimentar o evangelho enquanto você descobre como a Escritura expõe seu quebrantamento / rebelião (condição decaída) e aponta você para encontrar a verdadeira vida em Cristo (redenção)
  • aprender sobre interpretação e significados em uma passagem das Escrituras
  • para estar melhor equipado para o ministério aplicando princípios interpretativos à sua leitura, estudo e ensino futuro das epístolas
  • tornar-se consciente de como nossas perspectivas culturais podem nos cegar para aspectos do evangelho
  • para prepará-lo para a Interpretação Bíblica e Comunicação Bíblica
  • instrução prática de maneira que possam influenciá-los espiritualmente, em vez de serem influenciados.




👉 5 Livros sugeridos para leitura. Clique e Adquira!


Compartilhe nas Redes Sociais!
CompartilheCompartilhe Compartilhe


Autor: Ronaldo G. Silva é Bacharel em Teologia e Professor de Homilética sendo Pós-Graduado em Educação pela UFF. Entusiasta do trabalho de evangelização e divulgação da Palavra de Deus.
 

Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade

Um Site para o Líder, Pregador, EBD, Seminário, Estudo Bíblico, Sermão, Palavra Introdutória, Saudação, Mensagem e Assuntos Bíblicos para pregar a Palavra de Deus. Versões utilizadas Almeida: ACF, ARA ou ARC (SBB) e Bíblia Livre (BLIVRE)