Libertação Espiritual | Esboço de sermão para pregação.

Confira nesta postagem Esboço de Pregação sobre Libertação Espiritual. Resgatar pessoas do pecado e da injustiça é a obra fundamental e libertadora de Jesus.  Confira as 7 Lições de Crescimento Espiritual na Bíblia

Esboço de Pregação sobre Libertação

Tema 1: Libertação Espiritual: A Carne e o Espírito Romanos 8:5-13


Introdução: 
  • Há duas condições que o cristão está sujeito em sua vida. 1- Os que são segundo a carne inclinam-se para as coisas da carne;  2 - Os que são segundo o Espírito para as coisas do Espírito.

Desenvolvimento: A libertação espiritual vem pela escolha correta, qual a sua opção?:
  • a) A inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz.
  • b) Os que estão na carne não podem agradar a Deus. Mas quem está no espírito o Espírito de Deus habita em vós. 
  • c) Se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito, vivereis.


7 Passos para a libertação da carne

  1. Peça a Deus o que vos falta  Jr 4: 4
  2. Se arrependa e seja humilde, Jr 4:10 
  3. Não faça provisão para a carne, Rom 13:14 
  4. Ande no Espírito, Gl 5:16 
  5. Crucificar a carne e suas paixões, Gl 5:24 
  6. Seja uma nova pessoa, Ef 4: 17-24 
  7. Confie totalmente em Deus, Filip 3: 3-10 
  8. Sê alegre, paciente em oração, Jr 1: 2-18


Conclusão: A escolha pela libertação é a escolha pela vida


Publicidade


Tema 2: A Verdadeira verdade que Liberta - João 8:31-36


Introdução: 

  • Jesus afirmava que se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sereis meus discípulos e a consequência disso é que verdadeiramente sereis livres:

Desenvolvimento: Aspectos da libertação em Cristo
  • 1º Para ser liberto é preciso conhecer a verdade: E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.
  • 2º O Filho é a verdade que liberta;
  • 3º  Se o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.

Libertação das armadilhas do coração

  1. falta de perdão Mateus 6:15 1 João 3:14
  2. amargura, Hebreus 12:15
  3. orgulho, 1 João 1: 9
  4. rebelião, 
  5. pecado habitual Tiago 4 : 7

Áreas das nossas vidas que precisam de ajuste para libertação


  • Nosso dia-a-dia (trabalho, casa, finanças, etc.)
  • Nossos relacionamentos (família, amigos, cônjuge, etc.)
  • Nossas mentes (preconceitos, pensamentos, nosso potencial, etc.)
  • Nossos compromissos (família, igreja, trabalho, planos, etc) 
  • Nossos atos (como oramos,  servimos, etc.)
  • Nossa fé (em Deus) 
  • Nossos planos futuros entregues a Deus
Conclusão: A Verdadeira verdade que Liberta é Jesus.

Leia também: A Glória do Segundo Templo será Maior | Esboço de Sermão



Esboço de Pregação sobre Libertação

Tema 3: A Libertação do Domínio do Pecado - Romanos 6:17-23


Introdução: 
  • Tendo sido servos do pecado é necessário que obedecestes de coração a doutrina de Cristo que foste entregue

Desenvolvimento:
  • 1º Libertados do Domínio do Pecado fostes feitos servos da justiça.
  • 2º Libertados do Domínio do Pecado agora os vossos membros para servirem à justiça para santificação.
  • 3º Libertados do Domínio do Pecado tendes o vosso fruto para santificação, e por fim a vida eterna.
Publicidade

5 Passos para libertação do domínio do pecado

  1. Resista ao diabo e ele fugirá, Tiago 4 : 7
  2. Aproxime-se de Deus, Jr 4 
  3. Fuja das ciladas do diabo, Efe 6:11 
  4. Seja sóbrio e vigilante, eu Pe 5: 8 
  5. Oração e jejum, Mt 17:21

O Filho vos libertará dos principados e potestades

Paulo freqüentemente se referia aos demônios como principados e potestades: 
  • Romanos 8:38; 
  • Efésios 3:10; 6:12; 
  • Colossenses 1:16; 2:15; 
  • Tito 3: 1

Conclusão: Libertados do Domínio do Pecado vivemos uma nova vida com o dom gratuito de Deus que é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.


Outros sermões:



Cultos de libertação:

  • Reuniões de oracoes de cura e libertacao 
  • Culto de oração para libertação espiritual 
  • oracao para libertar a mente 
  • Reunião de oraçao de libertaçao e cura espiritual 
  • Ministração sobre libertação espiritual 
  • Estudo com base em texto bíblico sobre libertação

Fontes:
http://bst.qld.edu.au/wp-content/uploads/2013/08/SpiritualWarfare%20PowerPoingt.pdf
http://www.stclements.edu/Articles/gvveuren.pdf

Versículos e Temas para Culto de Doutrina

Para aqueles que procuram por versículos, temas e estudo para culto de doutrina assembleia de Deus e sugestões para pregação doutrina pentecostal ou ensinos para culto de doutrina nesta postagem trouxemos algumas sugestões que podem enriquecer a sua pesquisa para elaboração de mensagem, palavra ou ensino na igreja.

Versículos e Temas para Culto de Doutrina


Versículos e Temas para Culto de Doutrina

  • 2 Timóteo 3:16 - Toda a Escritura é proveitosa para a doutrina, para repreensão, para correção, para instrução em retidão...
  • Efésios 4:14 - Não sejamos mais crianças, levadas de um lado para o outro e levadas por todo vento de doutrina, por artimanhas dos homens, pela astúcia astuciosa de conspirações enganosas,
Publicidade
  • 2 Timóteo 4: 2-3 - Pregue a palavra! Esteja pronto na temporada e fora de temporada. Convencer, reprender, exortar, com toda paciência e ensinamento. 
  • Tito 1: 9 - Mantendo firme a palavra fiel como ele foi ensinado, para que ele possa, pela sã doutrina, exortar e convencer aqueles que contradizem.
  • 2 Timóteo 2:25 - Com gentileza corrigindo aqueles que estão em oposição e levando ao conhecimento da verdade,
  • 1 Timóteo 4:16 - Persevere nestas coisas, pois, ao fazer isso, você garantirá a salvação...
  • 1 Pedro 3: 15-16 - Mas santifique a Cristo como Senhor em seus corações...
  • Salmo 19: 7-8 - A lei do SENHOR é perfeita, restaurando a alma...
  • Efésios 4: 11-14 - E Ele deu alguns como apóstolos, e alguns como profetas, e alguns como evangelistas, e alguns como pastores e mestres, para o preparo dos santos para a obra de serviço, para a edificação do corpo de Cristo...
  • Hebreus 5: 13-14 - Quem se alimenta apenas do leite não está acostumado com a palavra de justiça, pois ele é uma criança
  • Colossenses 1:28 - Admoestando a todo homem e ensinando a todo homem com toda a sabedoria...
  • 1 Timóteo 4: 6 - Ao mostrar estas coisas aos irmãos, você será um bom servo de Jesus Cristo, constantemente nutrido pelas palavras da fé e da sã doutrina que vem seguindo.

A doutrina do cristianismo deve ser a base para a formação da doutrina cristã. O Culto de doutrina é um espaço importante para a igreja se afastar da doutrina de homens e se aperfeiçoar na doutrina da salvação. 

Veja também:



Sugestões de Temas para Culto de Missões


Sugestões de Temas para Culto de Missões. Quais versículos vêm à mente quando você pensa na palavra "MISSÕES"? A Grande Comissão (Mt 28: 18-20)? Por anos, nossa cultura da igreja destacou esta passagem como o tema de nossos cultos de missões e a motivação. Missão não é algo que a Bíblia simplesmente fala - missão é sobre o que a Bíblia é. É o contexto que fornece a espinha dorsal da história de Deus e da nossa história. Desde a criação, Deus tem estado interessado em redimir todos os povos para Si mesmo. 

Sugestões de Temas para Culto de Missões

  1. Amplie minha visão sobre missões! (Provérbios 29:18)
  2. Fazendo o nosso melhor a fim de alcançar o extremo (Atos 1: 8)
  3. Venha e nos ajude (Atos 16: 9,10)
  4. Multidões no Vale da Decisão (Joel 3:14)
  5. O pagão por nossa herança (Salmos 2: 8)
  6. Que todo o mundo possa vê-lo (João 12:31)
  7. A colheita é abundante (Mat 9:37)
  8. Missões: Nosso Serviço (Romanos 12: 1)
  9. Pregação entre todas as nações (Lucas 24:47)
  10. O Comando de Deus, a Comissão de Deus, Nosso Chamado (Mats 28: 18-20)
  11. Pronto e sem medo (Romanos 1: 15,16)
  12. Aqueles que não ouviram entenderão (Romanos 15:21)
  13. A Grande Comissão é a nossa missão (Mt 28: 18-20)
  14. Missões custam a Deus seu filho (João 3:16)
  15. Um semeador foi semear (Mt 13: 1-9; 18-23)
  16. Semeando com moderação - semeando generosamente (II Cor. 9: 6)
  17. Missões: uma oportunidade de obter uma coroa (I Ts.2: 19,20)
  18. Buscando os perdidos (Lucas 19:10)
  19. Senhor da colheita, envia ceifeiros (Mat. 9: 37,38)
  20. Vamos ao Extremo (Atos 1: 8)
Publicidade
  1. Trazendo os feixes (Salmos 126: 5,6)
  2. Multidões no equilíbrio (Joel 3:14)
  3. Semeando, Regando, Colhendo! (João 4: 36-38; 1 Coríntios 3: 6-9)
  4. Evangelizando para que todo o mundo possa vê-lo (João 12:31)
  5. Deus deu seu filho - por que não podemos nós? (João 3:16)
  6. Deitando nossas vidas (João 10: 11-15)
  7. Onde não há visão - o povo perece (Provérbios 29:18)
  8. A quem Dele não foi falado (Romanos 15:21)
  9. De alguns têm compaixão (Judas 22,23)
  10. Tirando as Marcas Do Fogo (Judas 22,23)
  11. Chorando pela colheita - colhendo na colheita (Sl 126: 5,6)
  12. Vocês serão testemunhas (Atos 1: 8)
  13. Pesca de homens (Mateus 4:19)
  14. Pesca por almas (Mt 4:19)
  15. Aqui estou eu, Senhor, envia-me (Isaías 6: 1-8)
  16. Arrebatando almas da beira do inferno (Judas 22,23)
  17. O seu clamor chegou antes de mim” (Êxodo 2: 23-25)
  18. O eco do chamado macedônico (Atos 16: 9,10)
  19. Também vi o… Perdido (Isaías 6: 1-8; Mateus 9:36)
  20. Tendo sementes preciosas (Salmos 126: 6)
  21. Divulgar a Bênção (Atos 3: 24-26; Gl. 3: 6-9; Gn 12: 1-3)
  22. Cumprindo a Promessa (Atos 3: 24-26; Gálatas 3: 6-9; Gênesis 12: 1-3)
  23. O convite divino (Apocalipse 22:17; Is 45:22)
  24. Qual será sua recompensa? (I Coríntios 3:
  25. Dê-lhes a beber (João 7: 37,38; Isaías 55: 1)
  26. Fora da nossa pobreza (II Cor. 8: 1-5)
  27. Tornados pobres que podem tornar-se ricos (II Cor. 8: 9)
  28. De pé no fosso (Ezequiel 22:30)
  29. Eu procurei por um homem (Ezequiel 22:30)
  30. Dar primeiro de nós mesmos (II Cor. 8: 1-5)
  31. Água viva aos mortos sedentos (João 7: 37,38)
  32. A comissão de Cristo ainda é grande (Mat. 28: 18-20)
  33. Missões - Pelo amor de Cristo (Mat. 16: 24-27)
  34. O trabalho para a noite está chegando (João 9: 4)
  35. Abundante na obra do Senhor (1 Co 15:58)
  36. Capturando a visão (Provérbios 29:18)
  37. Redimido, como eu amo proclamá-lo (Salmo 107: 2,3)
  38. Investindo na Eternidade (Mateus 6: 19-21)
  39. Deitando tesouros no céu (Mateus 6: 19-21)
  40. Que todos possam conhecê-lo (Filipenses 3:10)
  41. Apreendida por serviço (Filipenses 3: 12-14)
  42. Pressionando pelo Prêmio (Filipenses 3: 12-14)
  43. Eles são preciosos à sua vista (Mateus 9: 35,36)
  44. Assaltando as trincheiras do inferno (Mateus 16:18)
  45. Eu edificarei a minha igreja (Mateus 16:18)
  46. Missões: Guerra Espiritual Nas Trincheiras
  47. Missão Possível (Filipenses 4:13)
  48. Indo em busca do ouro (I Cor. 3: 12-15)
  49. Missões: o mandato do cristão para colher
  50. Missões: não é uma escolha, mas um comando
Sugestões de Temas para Culto de Missões

Leia também: Culto das Senhoras: Temas, Atividades, Mensagem e Versículos

Vejamos a Bíblia à luz do coração de Deus para o mundo, e veremos que, de Gênesis à Revelação, Ele está acenando a todos os crentes se unam a Ele a fim de trazer cada grupo de pessoas ao Seu trono, fazer missões. A Bíblia não é uma coleção de livros separados, sem tema ou história comum. É um livro com uma introdução: Gênesis 1-11, um enredo: Gênesis 12 - Judas e uma conclusão: Revelação.

Escolher o tema para culto de missões é muito importante. Seu tema dará orientação tanto a pregação quanto ao ministério de música. 


Publicidade

Dicas para escolha do tema para culto de missões:

  • Se a congregação sente necessidade de mais oração, então você precisa escolher a oração como tema. (ex. Segurando as cordas através da oração) 
  • Se as ofertas financeiras de missões estão em baixa, então você deve escolher um tema que irá manter isso diante das pessoas. (ex. “Investir na Eternidade” 
  • Se a igreja está precisando de obreiros de sua igreja, então escolha seu tema de acordo. (ex. “Se você não for, quem fará?”) 
  • Escolha um tema diferente que chamará atenção especial para o culto de missões.
  • um hino bem escolhido com ênfase em missão pode ser usado para escolher o seu tema

Leia também: 45 Temas para Pregação

Sugestões de assuntos para elaboração de temas para culto de missões:

  • Jesus Voltara.
  • Grande tribulação
  • Final dos tempo 
  • Heresia 
  • Igreja primitiva
  • Visão
  • Sacrifício
  • Salvação 

  • Pregação da Palavra de Deus
  • Plantação de Igrejas
  • Recompensas de Colher na Colheita ou algo especial que está em seu coração.
  • Apoio ao missionário



Leia também:  45 Temas de Círculo de Oração



Versículos para culto de missões:

  • João 15:16 -  Tu não me escolheste, mas eu te escolhi, e te designei para ires e dares fruto.
  • Mateus 9: 37-38 A colheita é abundante, mas os trabalhadores são poucos.
  • João 4: 36-38 "Um semeia e outro colhe.
  • Lucas 9: 1 Autoridade sobre todos os demônios e curar doenças.
  • Marcos 6: 7 Convocou os doze e começou a enviá-los em pares e deu-lhes autoridade sobre os espíritos imundos;
  • João 20:21 como o Pai me enviou, eu também te envio".
  • João 17:18 Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.
  • At. 1: 8 Receberá poder quando o Espírito Santo vier sobre você; e sereis minhas testemunhas em Jerusalém, e em toda a Judéia e Samaria, e até a mais remota parte da terra.
  • João 20:22 E quando Ele disse isto, Ele soprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo.
  • At. 11: 20-21 Começaram a falar também aos gregos, pregando o Senhor Jesus. 
  • At. 13: 1-3 Espírito Santo disse: "Separa-me Barnabé e Saulo aotrabalho para o qual os chamei".
  • At. 15: 40-41 Mas Paulo escolheu Silas...
A salvação é alcançada por meio de Jesus Cristo através da fé na Palavra de Deus. A igreja tem a missão de pregar o evangelho e a nossa oração é no sentido de que o cristianismo protestante chegue aos confins da Terra.

Veja também:

Os Querubins na Bíblia

Os Querubins na Bíblia são um dos vários tipos de seres angélicos. Esse tipo particular guardava áreas sagradas. O estudo dos anjos na Bíblia é importante para o crescimento do cristão. Nesta postagem você vai encontrar passagens bíblicas, textos e abordagens sobre os Querubins, como:
  1. Querubins significado:
  2. Forma Física dos Querubins
  3. Número de faces dos Querubins
  4. Número de asas dos Querubins
  5. Pernas dos Querubins
  6. Lugares e propósitos encontrados na Bíblia sobre Querubins

Os Querubins na Bíblia

Querubins significado:


  • 1. De “intercessor” ou “mediador” acadiano entre Deus e o homem
  • 2. Do hebraico esta é uma palavra possível, “carruagem” e querubim ”(Ezequiel 1; 10).
  • 3. Para alguns tem significado de  "aparência brilhante"


Leia também:  4 Qualidades da Verdadeira Igreja de Cristo

Forma Física dos Querubins

Isso tem sido difícil de determinar por causa das descrições variadas dentro da Bíblia e das diferentes formas animais-humanas encontradas no antigo Oriente Próximo. 


  • 1. Touro alado da Mesopotâmia
  • 2. Águia alada - leões do Egito chamados “grifos”
  • 3. Criaturas aladas em Hiram, trono do Rei dos Pneus
  • 4. Esfinge do Egito e formas semelhantes encontradas no palácio de marfim do rei Acabe em Samaria

A forma querubim está ligada aos Serafins de Isaías 6.


Número de faces dos Querubins

  • (1) dois - Ez. 41:18
  • (2) quatro - Eze. 1: 6, 10; 10: 14,16,21,22
  • (3) um - Apocalipse 4: 7

Número de asas dos Querubins

  • (1) dois - eu Reis. 6:24
  • (2) quatro - Eze. 1: 6, 11; 2:23; 10: 7,8-21
  • (3) seis (como Serafins de Isaías 6: 2) - Apocalipse 4: 8

Publicidade

Pernas dos Querubins

  • (1) Em linha reta, sem joelho - Ezek. 1: 7
  • (2) Pés da panturrilha - Ezek. 1: 7


Lugares e propósitos encontrados na Bíblia sobre Querubins

  • Guardião da árvore da vida, Gênesis 3:24 (ver Ezequiel 28: 14,16)
  • Guardião do Tabernáculo: Sobre a Arca da Aliança; Exod. 25: 18-20; Num. 7:89; É sou. 4: 4
  • Guardião do Tabernáculo: Representado em véu e cortinas; Exod. 26: 1,31; 36: 8,35
  • Guardião do Tabernáculo: Dois grandes querubins esculpidos em Santo dos Santos; I Reis. 6: 23-28; 8: 6-7; II Cron. 3: 10-14; 5: 7-9
  • Guardião do Templo de Salomão: Nas paredes do santuário interior; I Reis. 6: 29,35; II Cron. 3: 7
  • Guardião do Templo de Salomão: Nos painéis associados às várias colunas; I Reis. 7: 27-39
  • Guardião do Templo de Ezequiel: Esculpida em paredes e portas; Eze 41: 18-20, 25
  • Transporte da divindade uma. possivelmente uma metáfora para o vento; II Sam 22:11; Ps. 18:10; 104: 3-4; É um. 19: 1
  • Guardião do trono de Deus; Ps.80: 1; 99: 1; É um. 37:16
  • Guardião da carruagem do trono portátil de Deus; Ezek 1: 4-28; 10: 3-22; Eu Cron. 28:18
  • Templo de Herodes: uma. Pintado nas paredes (ie guardião cf. Talmude “Yoma” 54a)
  • Cena do trono do Apocalipse (isto é, guardião cf. Apocalipse 4-5)
Leia também:  Os Amorreus na Bíblia

4 Qualidades da Verdadeira Igreja de Cristo

4 Qualidades da Verdadeira Igreja de Cristo. A igreja como povo restaurado nasceu para ser uma comunidade testemunha e a igreja deve participar da missão redentora de Deus. Isto também é demonstrado pelas  qualidades mais importantes da Bíblia para a igreja: o povo de Deus, o corpo de Cristo, a comunhão dos santos e o templo do Espírito Santo.  A narração bíblica ensina consistentemente que para a igreja ser a igreja de Jesus Cristo é permanecer com sua natureza como uma comunidade testemunha e participar da missão de Deus para restaurar o reino de Deus. 


4 Qualidades da Verdadeira Igreja de Cristo



Verdadeira Igreja de Cristo como o povo de Deus



A cidadania está no céu ainda vivendo na terra (Filipenses 3: 19-20) representa o reino de Deus para o mundo pela obediência à lei de Deus. Portanto, permite que o mundo experimente algo do caráter único do reino de Deus, como ser uma comunidade unida, mas diversa, bem como adoradora.

Verdadeira Igreja de Cristo como o corpo de Cristo


A igreja age e vive e fala como ele. Seguindo para onde Jesus está indo, eles se dedicam para estar com os vulneráveis ​​para se alegrar e chorar juntos (Rm 12:15). O Senhor Jesus quer dar vida ao Seu Corpo através dos membros. (Todo aquele que é genuinamente nascido do Espírito Santo é um membro do Corpo de Cristo). Efésios 3: 9-10, afirma que Deus escolheu trabalhar através do Seu Corpo.

Publicidade

Verdadeira Igreja de Cristo como comunhão dos santos


Chamada para representar Jesus em seu serviço, para ser Jesus para os outros. Eles são enviados para viver o amor de Jesus através de suas vidas transformadas em suas dimensões individuais e comunais, que demonstram ao mundo uma comunhão genuína e reconciliada.

Verdadeira Igreja de Cristo como templo do Espírito Santo


É santa e deve ser santa. Embora a sua santidade não esteja em estar sem pecado, mas através da habitação do Espírito Santo, é chamado para testemunhar o reino de Deus para o mundo, incorporando a santidade de Deus através da sua vida santa dedicada a Deus e distinguível de outras. comunidades ou povos através do seu amor altruísta.

Os 4 Temas da Missão de Deus para o Homem

Os 4 Temas da Missão de Deus para o Homem

Podemos ler a Bíblia inteira sob uma perspectiva da missão de Deus. O que acontece quando fazemos isso? Buscamos as raízes bíblicas da missão de Deus nas escrituras, vendo especialmente a visão do Antigo Testamento para o povo de Deus e o futuro das nações e a relação com o conceito e a prática da missão do Novo Testamento. Assim, temos uma visão missionária característica da historia da igreja cristã que busca a pregação de temas como salvação como culminância desse plano. A missão de Deus para o homem é revelada através dos quatro principais temas da Criação-Queda-Redenção-Restauração, conforme explicado abaixo:
Os 4 Temas da Missão de Deus para o Homem

1º Tema sobre a Missão de Deus é a Criação:


Deus criou todo o universo e estabeleceu o seu reino, para que todas as criaturas pudessem glorificá-lo e desfrutá-lo para sempre. O soberano Deus decidiu confiar o homem a governar o mundo em obediência a Deus. Esta delegação foi cumprida por Jesus Cristo e herdada pela igreja. A natureza da igreja, portanto, se origina da natureza missionária de Deus e a igreja, em sua missão, tem que refletir os atributos do Deus trinitário, como o amor.

2º Tema sobre a Missão de Deus é a Queda : 


A criação de Deus foi (e é) afetada pelo pecado rebelde da humanidade. Apesar da queda, Deus em sua sinceridade e coerência nunca parou sua missão redentora através de seu povo de Abraão para a descendência espiritual de Abraão (a igreja). A igreja, portanto, como a comunidade que encontrou a paz com Deus, é chamada a tomar parte na missão de Deus seguindo a orientação do Espírito Santo no bom e original projeto de Deus para restaurar as realidades caídas no mundo e desmascarando a forças destrutivas contra o reino de Deus.

Publicidade

3º Tema sobre a Missão de Deus é a Redenção: 


Deus enviou seu Filho através do qual todas as pessoas poderiam se reconciliar com ele e restauradas para continuar a primeira comissão (o mandato cultural). A igreja como uma comunidade de discípulos tem que se concentrar em tornar a missão de Deus conhecida ao mundo, dando testemunho e convidando as pessoas do mundo a se reconciliarem com o Deus vivo e verdadeiro com uma vida de encarnação como Jesus demonstrou através de sua vida pública.

4º Tema sobre a Missão de Deus é a Restauração: 


A igreja é chamada nestes últimos dias para testemunhar o reino de Deus, proclamando o evangelho com palavras e ações. A igreja é uma prévia da Nova Jerusalém. Para responder sinceramente a esse chamado, a igreja torna-se uma comunidade alternativa escatológica que vive da esperança de estar junto ao Senhor para sempre.

Referências:
Lee, Y. & Dreyer, WA, 2018, 'Do protomissional à mega-igreja: Uma crítica do' crescimento 'eclesial na Coréia', HTS Teologiese Studies / Theological Studies 74

5 Lições que aprendemos com Rute na Colheita | Esboço de sermão

5 Lições que aprendemos com Rute na Colheita. Estudo Bíblico Rute na Colheita.  Neste sermão falamos sobre alguns aprendizados que podemos extrair da história de Rute. Confira o Sermão: Vós sois os ramos, João 15: 1-8

Lições que aprendemos com Rute na Colheita | Esboço de sermão


Introdução: O que podemos aprender com a história de Rute? Muitas coisas essa personagem pode nos ensinar, suas caracteristicas, o seu caráter, suas preciosas virtudes e suas principais qualidades. É sempre gratificante podermos aprender com personagens bíblicos que nos fornecem diretrizes e orientações divinas para a vida.

1.Rute tinha um propósito.

Em Rute 2: 2-3 a moabita, disse a Noemi: "Deixa-me ir aos campos e apanhar espigas de cereais nas pegadas de algum homem que me atende com benevolência". Rute sabia para onde ir ou pelo menos tinha uma ideia disso para convencer Naomi a apoiá-la. Esta ideia irá alimentar a sua motivação para continuar a trabalhar para vencer. Deus também lhe dará sabedoria para adaptar seus planos à medida que você aprende mais ao longo do caminho. Naomi então responde: "Vá, filha". Então ela partiu e foi recolher os campos atrás dos ceifadores. 

Publicidade

2.Rute não desisti

Curiosamente, Naomi não decide ir com Rute na colheita. Ela lhe dá permissão, mas parece indiferente. Ruth não reclama: "Vou me curvar no sol quente o dia todo.  Nunca, nunca desista. Não desanime por rejeições e contratempos. Enquanto estivermos vivos, ainda temos esperança de vencer. Fracassos não são obstáculos intransponíveis, mas, na verdade, são os passos necessários para o sucesso.



3. Rute fez uma escolha

Todos os dias você tem que fazer uma escolha. Todos os dias deve decidir se quer ser um vitorioso ou um perdedor. Não importa o que você passar e qual é o resultado, deve decidir qual deles escolher. Faça a escolha certa.   Segundo alguns teólogos era perigoso para uma jovem pobre e solteira que não tivesse a proteção de um homem trabalhar naquelas condições o que mostra a relevância desta passagem de Rute na Colheita. Uma mulher solteira tinha poucas maneiras de se sustentar naqueles dias. Ela poderia implorar, vender-se como escrava, tornar-se prostituta, procurar um marido entre os homens elegíveis da aldeia ou procurar apoio de seu parente mais próximo. Ou, durante os meses de colheita, ela poderia recolher. 

Rute na Colheita

Leia também: Malaquias 3: Significado de roubar a Deus nos Dízimos.



4. Rute tinha força de vontade. 


O processo de trazer a colheita foi um trabalho árduo. É preciso ser capaz de suportar todos os tipos de dificuldades e obstáculos para ser um vencedor. confiança é muito importante. Apenas se você reconhecer o seu valor e tem a habilidade necessária para vitória poderá ter sucesso na sua missão.



Oito etapas do trabalho de Rute na colheita:

  1. Os talos de grãos maduros foram cortados com foices de mão e colocados no chão por homens ( Deut 16: 9 ; 23:25 ; Jerem 50:16 ; Joel 3:13 ). A arte egípcia antiga retrata mulheres também envolvidas em colher o grão.
  2. Os talos cortados eram reunidos em feixes e amarrados em feixes ( Gen 37: 7 ; Jó 24:10 ; Sal 126: 6 ), que eram então colocados na vertical para evitar que a umidade causasse mofo ou bolor. Arte antiga retrata homens, mulheres e crianças envolvidos nesta atividade ( Rute 2: 7 , 15 ), que a Escritura descreve como uma ocasião alegre ( Salm 126: 6 ; 129: 7-8 ). Os cantos do campo e quaisquer talos de grãos que caíssem deviam ser deixados para os "ceifeiros", os pobres que sob a Lei tinham o direito de recolher as aparas ( Levítico 19: 9-10 ; 23:22). Alguns feixes também foram deliberadamente deixados para trás pelos pobres ( Deut 24:19 ; Jó 24:10 ; Rute 2: 7 , 15 ).
  3. As roldanas empacotadas e secas foram então transportadas para o local de trilha ( Rute 3: 6-7 ; Amós 2:13 ; Mq 4:12 ). A "eira" era uma área plana e elevada, com uma superfície lisa, geralmente no topo de uma colina, onde os ventos da tarde ajudavam no processo de peneiração.
  4. Na eira, o grão foi solto da palha e do joio por "debulha". Esta parte do processo foi geralmente realizada por bois pisando nos caules ( Deut 25: 4 ; Os 10:11 ) ou usando as rodas dos carros ( Is 28:28 ) ou por bois puxando trenós de madeira com bordas dentadas ( Deut 25 : 4 , é 28:27 , 41:15 , Amós 1: 3 , 1 Cor 9: 9 ).
  5. Neste ponto, o processo de "joeirar" começou. O grão foi jogado no ar com garfos para joeirar ( Is 30:24 ; Jerem 15: 7 ). Esperançosamente, o vento cooperou soprando a palha enquanto os grãos mais pesados ​​caíram no chão ( Sl 1: 4 ), mas na ausência de vento, os ventiladores foram usados ​​para criar uma brisa.
  6. O grão foi recolhido e peneirado ( Am 9: 9 ) para remover quaisquer detritos estranhos como pedras, partículas de sujeira ou estrume. 
  7. O grão limpo foi ensacado e transportado para armazenamento em um silo ou para o mercado para venda ( Gen 41: 35-36 , 47-49 ).
  8. O joio foi queimado em fogueiras e a comunidade celebrou com o canto, a dança e o banquete ( Rute 3: 7 ; Is 5:24 ; 9: 2/3 ; Mt 3:12 ; Lc 3:17 ).


Conclusão:

Rute não duvida, Rute acredita em si mesmo, Rute sabe que consegue. Rute sabe que é capaz de realizar . Isso permite que Rute tome decisões com fé em Deus.  Rute quer isso! Para Rute, não há outra escolha em torno disso. Rute está determinada a vencer seus limites além dos seus inimigos. São essas as características de Rute que devemos trazer para o nosso ministério e dedicação na Obra de Deus.

Veja também:



Referências
Michal Hunt, Estudo Bíblico Ágape

Esboço de Pregação sobre Dizimos e Ofertas : Malaquias 3:7-12 - Roubar a Deus.

Malaquias 3 o que significa roubar a Deus nos dízimos? Malaquias foi um profeta que viveu aproximadamente 400 anos antes de Jesus. Um profeta era um mensageiro que falava em nome de Deus e a mensagem de Malaquias para os líderes da nação de Israel era que eles estavam indo na direção errada. 
  • “Desde a época de seus antepassados ​​você se afastou de meus decretos e não os manteve. Volta para mim e eu voltarei para ti ”, diz o Senhor Todo-Poderoso. (Malaquias 3:7)

Malaquias 3: roubar a Deus nos dízimos. 


Segundo o pesquisador e teólogo Fanie Snyman em Malaquias 3 : 7-12 as pessoas são acusadas de roubar a Deus nos dízimos e ofertas, a forma de particípio indica uma ação contínua. Esta foi uma época em que as pessoas deviam trazer como sacrifícios o melhor dos seus animais e entregar no altar para honrar a Deus. E Malaquias estava dizendo: Em vez de trazer o seu melhor, você está trazendo a Deus suas sobras. Voces estão trazendo animais e produtos que nem mesmo vocês iriam consumir. 

Leia também: Como Deus criou o Universo e a Terra? Gênesis 1: 1-31

Publicidade

Malaquias 3 e o diálogo com Deus:

  • - Como vamos voltar para Ti? Respondem.
  • - Será que um mero mortal roubará a Deus? Ainda assim você me rouba, diz Deus. 
  • - Como estamos roubando você? perguntam.
  • - Nos dízimos e ofertas. Deus responde

Malaquias exorta: 

  • Você realmente espera que Deus seja honrado?por isso?
  • Qual a sua prioridade? 
  • Deus está dizendo, eu quero Faça parte da sua vida, mas você me exclui. 

O que significa roubar a Deus? 

Essa ideia de propriedade de Deus foi uma convicção nos tempos do AT de que tudo (especialmente a terra e seus produtos) pertencem a Deus (Sl 24: 1; Lv 25:23). 

  • Roubar implica em assumir a propriedade, direitos de propriedade, posse de bens ou coisas de qualquer tipo. 
  • Roubar a Deus significaria então tomar algo que realmente pertence a Deus.  
  • Roubar a Deus em Malaquias 3 significaria então reter de Deus o que é de fato sua possessão: o dízimo e a oferta.


Mas eles não achavam que haviam feito nada de errado.

"De que maneira nós roubamos Você?" 

De acordo com Fanie Snyman em Malaquias 3: 8 a resposta a essa pergunta vem como uma exclamação "nos dízimos e sacrifícios". 

  • As palavras hebraicas significam literalmente "décimos" (ou décima parte) e "ofertas". 
  • O termo "oferta" refere-se a algo que é especificamente trazido (no sentido literal da palavra: levantado) para Deus (Nm 18: 25-32). 

Mas não se trata de dinheiro. É sobre conseguir seu coração. 


Trazer todos os dízimos à casa do tesouro

Malaquias 3 o que significa roubar a Deus nos dízimos?Um armazém é um edifício onde as pessoas armazenam coisas. Quando eles trazem o dízimo para o templo, haverá alimento para os sacerdotes e levitas. Assim, Deus exorta, em Malaquias 3:10 a trazer "todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja alimento em minha casa; e provai- me nisto, diz o SENHOR dos exércitos, se não vos abrir as janelas dos céu, e derramar sobre vós bênção transbordante". Então Deus abrirá as 'janelas do céu'. Esta é apenas uma imagem, porque não há janelas no céu. Mas Deus diz que será assim. Será como se estivesse derramando bênçãos sobre seu povo do alto! 

As condições econômicas e sociais das pessoas que viviam na primeira metade do quinto século provavelmente não eram boas. Pode-se supor que os impostos do governo têm que pagar aos governantes persas, enquanto eles tiveram que sofrer o fracasso da colheita, secas e pragas de insetos (Malaquias 3 : 10-11). Essas condições, entretanto, não podem servir como desculpa para não cumprir seu dever com respeito aos dízimos e sacrifícios, porque faz parte da obediência exigida deles como um povo da aliança e, em Malaquias 3 : 11 Deus ressalva que "por causa de vós repreenderei ao devorador, para não corrompa vosso fruto da terra; e vossa vide no campo não será estéril".


A aparente deixar de trazer os dízimos resultou em uma maldição sobre o povo. 


Publicidade

Significado de Pentateuco e os Livros Canônicos



Pessoas ou Nação?

A partir dos versos de Malaquias 3 : 10-12 pode-se supor que a maldição é vista como quebra de safra, seca e insetos devorando os campos. A omissão do dízimo e ofertas é uma transgressão contra Deus em primeiro lugar e não contra o templo ou o pessoal do templo. Mais uma vez, diz-se que roubar Javé é algo feito continuamente por toda a nação.

  • As pessoas são indicadas com o termo "nação" e não pessoas, mas é significativo que no restante do livro o termo "nação" se refira a nações estrangeiras (1 : 11; 14; 3:12). 
  • Seria esta é uma sugestão sutil de que eles estão em perigo de se tornar uma nação pagã, assim como as outras nações que os cercam? 
  • É enfatizado que não é apenas uma parte da nação que é culpada de reter seus dízimos; é de fato a nação inteira que é acusada de cometer esse pecado.

Se ao ministrar você não sabe o que falar sobre dizimos e ofertas o texto de Malaquias 3 apresenta alguns elementos.

Veja também:



Referências


Snyman, Fanie. (2014). A theological appraisal of the book of Malachi. Old Testament Essays, 27(2), 597-611. Retrieved June 26, 2018, from http://www.scielo.org.za/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1010-99192014000200016&lng=en&tlng=en.

143 E. Budiselić: O Papel e o Lugar do Dízimo no Contexto da Doação Cristã KAIROS - Jornal Evangélico de Teologia / vol. VIII (2014), n º 2, pp. 143-12

3 Aspectos do Antropomorfismo na Bíblia.

Antropomorfismo na Bíblia. O conceito muito difundido de Deus como homem é um antropomorfismo porque Deus é espírito! Deus descrito como humano através de uma linguagem antropomórfica muito comum no Antigo Testamento: Uma das Razões para o uso deste tipo de linguagem é a necessidade para Deus se revelar aos seres humanos. 


Com o antropomorfismo  Deus toma os aspectos mais significativos da vida humana e os usa para se revelar à humanidade, mas não se limita a nenhuma forma física, tendo como ápice a encarnação de Jesus quando Deus tornou-se físico, palpável (1 João 1: 1-3). 

3 Aspectos do Antropomorfismo na Bíblia. 


Antropomorfismo na Bíblia como corpo físico

  • 1. olhos - Gn 1: 4,31; 6: 8; Exod. 33:17; Num. 14:14; Deut. 11:12; 
  • 2. mãos - Exod. 15:17; Num. 11:23; Deut. 2:15
  • 3. braço - Exod. 6: 6; 15:16; Num. 11:23; Deut. 4:34; 5:15
  • 4. ouvidos - Num. 11:18; É sou. 8:21; II Reis. 19:16; Ps. 5: 1; 10:17; 
  • 5. rosto - Exod. 32:30; 33:11; Num. 6:25; Deut. 34:10; Ps. 114: 7
  • 6. dedo - Exod. 8:19; 31:18; Deut. 9:10; Ps. 8: 3
  • 7. voz - Gn 3: 8,10; Exod. 15:26; 19:19; Deut. 26:17; 27:10
  • 8. pés - Exod. 24:10; Eze 43: 7
  • 9. forma humana - Exod. 24: 9-11; Ps. 47; É um. 6: 1; Ezek 1:26
  • 10. o anjo do Senhor - Gn 16: 7-13; 22: 11-15; 31: 11,13; 48: 15-16; Exod. 3: 4,13-21; 14:19; Js. 2: 1; 6: 22-23; 13: 3-22

Antropomorfismo na Bíblia por meio de Ações Físicas

  • 1. falando como o mecanismo da criação - Gênesis 1: 3,6,9,11,14,20,24,26
  • 2. andar (ou seja, som de) no Éden - Gn 3: 8; 18:33; Hab. 3:15
  • 3. fechando a porta da arca de Noé - Gn 7:16
  • 4. cheirar sacrifícios - Gn 8:21; Lev. 26:31; Amós 5:21
  • 5. descendo - Gn 11: 5; 18:21; Exod. 3: 8; 19: 11,18,20
  • 6. enterrando Moisés - Deut. 34: 6

Publicidade

Antropomorfismo na Bíblia como Emoções humanas (alguns exemplos)

  • 1. arrependimento/arrependimento - Gn 6: 6,7; Exod. 32:14; Amós 7: 3,6
  • 2. raiva - Êx. 4:14; 15: 7; Num. 11:10; 12: 9; 22:22; 25: 3,4; 32: 10,13,14; Deut. 6: 5; 7: 4; 29:20
  • 3. Ciúme - Exod. 20: 5; 34:14; Deut. 4:24; 5: 9; 6:15; 32: 16,21; 
  • 4. ódio / abominação - Lev. 20:23; 26:30; Deut. 32:19

Leia também:  Os Querubins na Bíblia


Publicidade

 

Missão: Visão missionária (marca da historia da igreja cristã) visa abordar temas como salvação, cristianismo, teologia e histórias bíblicas de uma forma geral, através da internet e redes sociais.

voltar